segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Roubei...


Roubei teus beijos naquela madrugada,
roubei teu corpo para ser a minha morada
me aconcheguei em teu colo
me aninhei no teu peito
teus lábios sedentos
sufoquei-os nos meus beijos.
Senti o teu cheiro por inteiro
teu calor transbordando em meus seios
tua língua ávida seguia  meus movimentos,
Roubei teu amor,tua respiração
roubei os teus pensamentos
as tuas ilusões,
roubei com a unica intenção...
sem maldade alguma,
apenas fazer feliz o teu coração.
Marcia Morais.

7 comentários:

R. R. Barcellos disse...

De tais boas intenções também está cheio o Paraíso.

Beijos, Marcia.

ValeriaC disse...

Lindo poema amiga...este roubar vem nas melhores das intenções...
Boa tarde, beijos,
Valéria

Malu disse...

Há roubos que são perdoáveis, sempre...
Abraços!!!

as arteiras disse...

Olá, Márcia!!
Lindo poema!!
Fazer alguém feliz é se doar!
Vim lhe desejar um bom final de semana!!
Bjs!!
Márcia

:.tossan® disse...

Me delicio na tua poesia. Beijo

Patrícia Pinna disse...

Que roubar delicioso foi esse, menina? Adorei!
Ser feliz e fazer feliz o coração de quem amamos é plenitude máxima!
Beijos!

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida amiga

Peço desculpas pela minha ausência, mas não é por esquecimento, mas sim por conta de meu novo projeto, o qual me está retirando muito tempo.

Ser esposa, mãe, amiga, dona de casa, e ainda aprendiz de escritora, não é tarefa muito fácil, requer de nós um grande equilíbrio.

Queria muito agradecer por sua presença amiga lá no meu cantinho, presença que me alegra por demais meu coração e minha vida! Muito Obrigada!

Me perdoe por alguma coisa.

Um lindo dia para você.

Abraço amigo

Maria Alice