sábado, 1 de setembro de 2012

Infinito


Naquele momento percebi
que as mudanças seriam  fortes
e que tudo mudaria dentro de mim...
Cansada,pensei em toda trajetória,
das vezes que  fingi ser forte,
das vezes que os olhos fechei e sofri.
Calei então os sentimentos
e gritei forte aos ventos
a dor que havia em mim.
Desci pelas ladeiras em choro
minhas lagrimas embaçavam meu caminho,
não encontrei consolo em teu amor.
Desesperada me desliguei daquela sina,
um circulo vicioso que já não mais cabia em mim.
Adormeci ...
acordei e não me encontrei em mim,
um vazio habitava meu ser,
ele era a canção do meu alvorecer...
desacreditada dos sonhos,entreguei meu coração
ao infinito,separei de mim a dor,escondi meus segredos em um mundo perdido.
Mas...sobrevivi...
Pois restou de tudo a  marca do amor
que nunca teve fim.

Marcia M.

12 comentários:

Eloah disse...

Querida, mesmo nas mudanças continuamos com a nossa essência.Lindíssimo poema!Estive ausente para poder realizar o projeto de Lançar um Livro Digital.Agora, sonho realizado, já fiz postagem sobre o assunto e volto a ler as preciosidades dos amigos. Um domingo ensolarado.Bjs Eloah.

Anne Lieri disse...

Marcinha,quando existe amor nada é em vão,sempre fica algo de bom!Linda sua poesia!bjs e bom fim de semana!

Pat. Rocha disse...

Memórias da pele minha amiga!
Um beijo especial.
Bom Domingo!

Don Juan disse...


Ainda bem que há o SONO , e sendo assim , tudo se torna realidade e novo dia chega com novas " cambiantes "...

Mas continua sonhando.

Beijos

Everson Russo disse...

E assim se faz o verdadeiro amor,,,marca,,,sem fim....beijos de boa madrugada pra ti.

isa disse...

E o verdadeiro Amor marca para o resto da Vida.
Beijo.
Mamã isa.

**♥✿Franciete-✿♥** disse...

Ó meu amor tu só me manda convites , tu tem ai o meu email me manda também mails porque eu também gosto de receber okei beijinhos de luz e tenhas um lindo domingo

as arteiras disse...

Bom dia, Márcia!!
Lindo poema!!
Vim lhe desejar uma ótima semana!
Bjs!!
Márcia

SOL da Esteva disse...

O Amor marca, conforme a vivência que dele se teve e da intensidade com que a ele nos entregamos.


Beijos


SOL

VINO MORAIS - ARTISTA PLASTICO disse...

VIVA O AMOR....ESSE GRANDE SENTIMENTO...BONITO...SEMPRE COM O CORAÇÃO EM MEL DE GOIABA...BEIJOS+BEIJOS

MARILENE disse...

Mesmo quando termina, sua marca fica por longo tempo. Bjs.

R. R. Barcellos disse...

Sei que tu sabes, menina,
Que a lagarta rastejante,
Para cumprir sua sina
Deve passar pelo instante
De uma clausura completa
Para emergir borboleta
E alçar voo, brilhante!


Bela poesia, Marcia. Beijos.