terça-feira, 2 de agosto de 2011

Sem Palavras



Não ha palavras que eu possa escrever...
não ha nada que eu possa dizer,
os versos caminham por si só como
o destino dando nó,em caminhos que
eu escolhi.

Não se pode mudar,traços continuos,
caminhos marcados...

Não se pode querer mais...
ou sonhar mais...
do que aquilo que possas
realizar.

Meus sonhos...
meus sonhos...

Meus olhos, meus sentimentos,
meu mundo...

Meu eu...

So quer descansar...

O silêncio é meu melhor remédio.

meus escritos meus esconderijo secreto,

e apenas neles posso me expressar.

Mas,eu hoje prefiro o silencio,
a me guiar.

Marcia Morais.

7 comentários:

R. R. Barcellos disse...

Silêncio.
Menina sonhando.
Poetisa criando.
Mulher sorrindo.
Silêncio...

Ma Ferreira disse...

Ma.. vc tá tão bonita nessa calça jeans.
Espero que esteja melhor..
Adoro ler vc..

Bj
Ma

SAM disse...

Marcinha,


A sua sensibilidade é linda! E você também Marcinha! Que Deus te abençõe e ilumine sempre amiga querida.

Beijos com carinho e linda noite

Cristal de uma mulher disse...

Amiga muitas vezes buscamos para nós mesmos o inexplicável e também muitas vezes ele chega sem explicar e sem avisar o que é o pior. Ai ficamos laçada a este destino esperandoqueele mesmo se encarregue de nos libertar.

Tenha amiga minha meu carinho e adimiração por teuss entimentos.


Bom dia bom chegar aqui

ValeriaC disse...

Que lindo poema querida...um falar de alma...às vezes o silêncio é o que mais precisamos para nos refazer.
Bom dia...beijinhos
Valéria

Tatiana Moreira disse...

Deixar-se guiar... Eis o que nos torna mais leves e serenos!
Um beijo carinhoso

Mário Cravo disse...

OLÁ MÁRCIA!!!
É NO SILÊNCIO, QUE VEMOS NOVO RUMO PARA A VIDA. CONTINUAÇÃO DE TUAS MELHORAS. TEM UMA SEMANA CHEIA DE LUZ. BEIJOS ILUMINADOS, DESTE LADO DO MAR...