terça-feira, 10 de abril de 2012

Adeus a Fatima Guerra (Melliss)-Ela se foi...



Ela se foi...
mas,deixou em nós o seu melhor,
nos fez sonhar com cada verso e de uma maneira particular
descreveu nossos sentimentos.
Ela se foi...
Mas para sempre estará entre nós em cada verso
em cada ponte feita de poesia e encanto.
Ela se foi...ficará uma imensa saudade,
mas,sera eternamente lembrada
como a musa dos versos alados
que nos fez sonhar.

Marcia Morais


MEUS VERSOS
***
(Fátima Guerra)
***
Empresto o coração apaixonado,
o coração sofrido, o coração alado,
os sonhos que alguém sonhou,
as lágrimas que alguém chorou,
o sentimento esquecido,
o sorriso perdido,
a alegria plena,
para compor meu verso...
Empresto um pouco de ti
E crio meu universo.
***
Santos-26/04/11-20:20 
AH!
***
(Fátima Guerra)
***

Ah, meus Amigos!
Os caminhos da vida são estranhos...
Por vezes, passamos uns pelos outros,
sem nos reconhecermos, sem nos vermos,
ocupados com nossos próprios pés,
contando passos, desapercebidos de que o outro
nos espreita silenciosamente, timidamente,
simplesmente à espera de ser visto por nós...
Quantos silêncios poderiam ser rompidos,
se tivéssemos a percepção
de que nada pode separar uma amizade
que nasceu para ser verdadeira.
Ah, meus Amigos,
quantas tolices nos convencem,
quanto tempo perdido !
Acho que é preciso escutar o coração.

***
Santos,19/01/2011-01:50


ONDE TE ENCONTRAR
***
(Fátima Guerra)
***
Posso te encontrar
na estrela solitária do final da tarde,
nas notas da canção de um piano distante,
na fragrância amadeirada de um momento breve,
na carícia de uma brisa que arrepia a pele,
no tamborilar da chuva leve e passageira,
no alarido das ruas, nas luzes das avenidas,
nas sombras das madrugadas,
nas horas da minha vida ,
enfim ...
posso te encontrar em toda parte,
porque onde eu estiver,
tu estarás em mim
***
Santos-07/11/10-20:30


AINDA ASSIM
***
(Fátima Guerra)
***
Para calar um poeta
tentem calar os ventos
tentem parar a chuva
tentem secar os mares
tentem deter o sol ....
Emudeçam a voz das fontes
apaguem as alvoradas
escondam campos floridos
e estrelas da madrugada...
Não haja o vôo dos pássaros
nem seu canto embevecido.
Que os anjos não nos visitem
nos sonhos adormecidos...
Ainda assim, um poeta
mergulhará no infinito
tecerá rimas eternas
será um Poema Vivo.
***
Santos-03/11/2010-23:25

10 comentários:

Edna Lima disse...

Márcia. Quanta coisa linda ela deixou.
Será eterna nas lembranças dos que a amavam.
Bela homenagem esta que que você fez. Boa noite. Beijos.

Hana disse...

Maravilhosa, fantástica sua homenagem, eu amava a Fátima, ligava sempre para ela, e ele era quem acabava me dando força, mesmo doentinha ela era a fortaleza em pessoa. Fiz um carinho a ela lá no harmonia...
fiquei muito feliz pelo carinho que vi aqui...estou muito triste e sem palavras hoje...
Com carinho
Hana

isa disse...

Quando soube da partida de tua Amiga
pensei logo no grande desgosto que terias e na dor deste momento.
Que descanse em Paz.
Beijoo.
Mamã isa.

She disse...

Ah que triste em uma semana duas perdas na blogosfera... :( Não conhecia a Fátima... Que ela descanse em paz!
Beijo, beijo querida!
She

R. R. Barcellos disse...

Tristeza imensa, amiga minha. Eu tinha tanta esperança na recuperação dela que programei uma postagem para seu próximo aniversário, em setembro. Agora creio que vou antecipá-la - assim que puder reescrevê-la como deve ser. Enquanto isso, junto às tuas as minhas saudades.
Beijos.

marlene disse...

triste noticia minha amiga adoro os poemas desta artista da poesia e da vida que Deus lhe conceda um lindo jardim de flores onde possa banhada de luz compor para os anjos lhes fazendo a alegria dos sonhos de amor
aos que ficam aqui com saudades guardem suas lembranças das horas felizes bjs com carinho marlene

Eloah disse...

Marcinha que bela homenagem fizestes a Fátima.Seus poemas são lindos.Que Deus a tenha ao seu lado para enfeitar os caminhos onde há de passar eternamente.
"Ainda assim, um poeta
mergulhará no infinito
tecerá rimas eternas
será um Poema Vivo."
Bjs querida.Eloah

MA FERREIRA disse...

Marcinha....sei do carinho imenso que voce sentia pela Melis.
Ela se foi mas deixou a sua marca.
A marca na poesia. Esta nunca deixará de existir.
Somos o que plantamos..e ela deixou uma linda plantação de coisas boas...

Um beijo no seu coração....
Meus sentimentos...

Vivian disse...

...a Condessa subiu para o andar
de cima, mas tenha certeza que
seus pensamentos sempre
estarão com os amigos
que ficam por aqui,
até o dia do
reencontro.

descanse em paz, poeta!

bjokas, querida!

silvioafonso disse...

.


Este blog é lindíssimo. A trilha
sonora dá vida, mas a imagem dá
cor, brilho e esperança.

Beijos,

silvioafonso






.